terça-feira, 1 de agosto de 2017

Por que devemos pensar seriamente na faixa de 24.000-25.000 pontos para o Dow Jones e uma posterior queda de 70%-80% ?

Por que devemos pensar seriamente na faixa de 24.000-25.000 pontos para o Dow Jones ?

Há poucos meses eram poucos os artigos espalhados pelo mundo que expressavam preocupação com uma bolha em curso nos mercados mundiais e, em especial, nos mercados americanos.

No entanto, essa dinâmica mudou muito nas últimas semanas.

Há vários artigos tentando discutir e explicar o que acontece hoje por toda a parte; explicar o nível dos ativos acionários e seus movimentos nos últimos meses, principalmente quando falamos de volatilidade

Não é a primeira vez que exponho o gráfico de 100 anos abaixo do Dow Jones com as linhas de tendência abaixo destacadas

Mas, dessa vez, deixarei não apenas o toque de uma dessas linhas lá próximo aos 24.000

Uma delas, passa pouco acima dos 22.000 pontos.

Na linha que leva o Dow Jones do topo em 2.289 pontos em outubro de 1915 até o topo em 7.466 pontos em dezembro de 1965, temos uma relação de aproximadamente 3,20

Se levarmos a mesma proporção para um último toque antes de uma nova perna de baixa, teremos 24.300 pontos.....em algum momento mais à frente o toque nessa faixa bate na linha destacada que vem lá dos 2.289 pontos.

Queda ?

Ora se contarmos que essa pode ser de fato a "mãe de todas as bolhas", inflada escandalosamente por todos os principais bancos centrais do mundo, teríamos a mesma proporção de queda dos anos 30 e 60 em dólar e ajustada pela inflação, isto é, de 70% a 80%

Isso levaria o Dow Jones pra perto de 7.500 pontos, também coerente com a base de uma das linhas destacadas abaixo


Dow Jones, período 100 anos, ajustado pela inflação e em escala logarítmica
Fonte: macrotrends.net