sábado, 17 de fevereiro de 2018

Qual o grande perigo hoje para a grande parte das commodities ? Minério de ferro, petróleo e papéis afins, como VALE, siderurgia, etc....ou seja....por onde poderemos ver uma forte correção intermediária ? Pela reversão da forte tendência de queda do índice dólar, que ao longo da semana sentiu a LTB curta novamente e fez ontem uma nova mínima, quase fundo duplo

Qual o grande perigo hoje para a grande parte das commodities ? 

Minério de ferro, petróleo e papéis afins, como VALE, siderurgia, etc....ou seja....por onde poderemos ver uma forte correção intermediária ? 

Já discutimos isso ao longo desses últimos 15-20 dias...

Historicamente, índice dolar e commodities andam em direções contr

Só que o índice dolar parou novamente na LTB curta, o que certamente contribuiu fortemente para que situações como a da VALE3 no Brasil e fortes repiques vistos no mundo pelas mineradoras fossem possíveis.

Isto é....

Se o índice dolar pelo menos nao romper a LTB curta e abrir possibilidade para alcançar o patamar de 92,5-93,5, a correção forte das mineradoras e siderúrgicas ao redor do mundo terá baixa probabilidade.

Por outro lado, como pode ser visto abaixo, as fortíssimas divergências altistas de IFR14 , MACD e Histograma já vistas no índice dolar devem empurrá-lo paraum forte repique no curto prazo.

Se vai reverter a tendência é uma outra questão.

Também marquei uma LTA Longa , questão também já levantada aqui dias atrás.

Por fim, vejam o toque na faixa de 88,17 na sexta-feira, ontem, ligeiramente abaixo do fundo anterior e praticamente um fundo duplo

Índice dolar, diário, escala logarítmica



Índice dolar, SEMANAL, escala logarítmica



sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Resumo Pós-Carnaval ? As mesmas aberrações que cansamos de ver muitas e muitas vezes no mercado financeiro....mas, números são números....A correção provável de 15% do Bovespa ainda não está descartada com objetivo na sua MA200.. hoje, próxima a 71.400 ....porém, tendência de alta intacta ainda.....e convenhamos.....nada deve mudar até a faixa de 100.000-110.000 pontos....isso mesmo....e uma semana que mostrou uma eleição cada vez mais próxima a Geraldo Alckmin, os motivos ainda vão se fortalecer ainda mais lá na frente

Resumo Pós-Carnaval ? 

As mesmas aberrações que cansamos de ver muitas e muitas vezes no mercado financeiro....mas, números são números....

Sim....para mim, uma das grandes surpresas foi a evolução da VALE3.....A ida até o topo histórico, faixa de 49,00, para mim "deveria" acontecer após uma correção intermediária que está por vir....mais do que "na hora", dadas as inúmeras divergências baixistas de IFR14, MACD e outros rastreadores que se espalham por aí.

Mas, não....rompeu a faixa importante de 43,75 e bateu hoje 46,19.....uma resistência nada muito forte antes dos 49,00, seu topo histórico.

Assim....

O que podemos especular ?

A correção provável de 15% do Bovespa ainda não está descartada com objetivo na sua MA200.. hoje, próxima a 71.400

Ou seja....aqueles canais de alta destacados aqui dias atrás continuam ainda valendo....veja um deles abaixo já com o fechamento de hoje em 84.520, alta de 0,28%

Porém, tendência de alta intacta ainda.....

E convenhamos.....nada deve mudar até a faixa de 100.000-110.000 pontos....isso mesmo....

Sim.....a catastrófica dinâmica-evolução das altas recorrentes que já vieram e virão das taxas de juros americanas e toda sua cadeia de correlação não deve atingir os gráficos brasileiros nos próximos 6 meses.

"É tudo junto"....números....números....momentum de alta....gráficos...tendências...

E, por que 100.000-110.000 ? Existem 2 grandes resistências do Bovespa em dólar antes dos 44.000 pontos.....37.000 e 39.000...

É só fazer a conta para o dólar.....e 110.000 bate "3 vezes" o fundo de 37.000 do início de 2016.

Depois dos 100.000-110.000, alguém finalmente vai ter que "consertar" o país, correto ?

12 meses....1 ano....Presidente novo.....um novo país a ser moldado...

Aí, o mercado faz a correção de 50%-60%....afinal, já teremos passado por 7-8-9 aumentos de taxas de juros americana.....e o mundo não será mais o mesmo de 2008-2016....

E na semana que passou, tivemos mais ingredientes para acreditar nesse cenário.

A eleição presidencial brasileira caminha para 3 grandes eixos....

1 - Indicado e-ou sugerido pelo PT-esquerda
2- Extrema-direita, no caso, Jair Bolsonaro
3- Centro....ou seja....Geraldo Alckmin

Difícil imaginar que a "classe média" "compre" o PT-esquerda agora......"compraram" em 2002...em 2006...2010........

Em 2014, eleição apertadíssima.....

Não há histórico nenhum....absolutamente nenhum que mostre uma sociedade brasileira que tenha "comprado" em todos esses anos de República alguém ligado a idéias de extrema-direita, como Bolsonaro

Portanto.....abre-se uma avenida, depois da desistência de Luciano Huck....segunda, diga-se de passagem, para a candidatura de Alckmin....

Um crescimento de Alckmin ali pouco depois da Copa do Mundo, julho..para cerca de 12%-15% soará como música para o mercado financeiro...

Batendo 15% na porta da eleição, vira tendência......enfim....

Abaixo,diário do Bovespa


Bovespa, diário, escala logarítmica







quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Depois de 2 dias 2 fortes nos mercados americanos ao longo do Carnaval brasileiro, Bovespa volta também forte e sai rompendo tudo novamente...82.000, 83.000.....VALE3 com novo topo, ITUB4 e GGBR4 encostando no topo antigo.....

Surreal a volta do Bovespa...

Mesmo com os 2 dias fortes pelos mercados americanos ao longo do Carnaval, talvez nem o mais otimista esperasse tal força

Fechamento hoje em 83.540 pontos .....alta de 3,27%

VALE3 chegou a faixa de 44,55 apenas no dia de hoje......sua próxima resistência...acima, praticamente apenas a faixa de 45,00 e 46,00.....

Pra baixo, agora só volta a ficar feia se perder a faixa de 43.70

Lá fora, sua ADR em Nova York já tinha rompido a LTB ontem, destacada aqui semana passada, e também já opera na faixa de 13,77

Outros papéis andaram forte...ITUB4 se aproxima do topo anterior de 53,10

GGBR4 também se aproxima da faixa de 15,38, seu antigo topo

E as divergências baixistas de IFR14, MACD e Histograma se aprofundam nesses papéis

Bovespa agora tem como suportes mais fortes a faixa de 83.000, 82.500 e 82.000

Resistências em 83.800, praticamente a máxima de hoje, 84.500 e 85.600...depois, o topo histórico em 86.200....


Bovespa, diário, escala logarítmica









sábado, 10 de fevereiro de 2018

Enquanto a VALE3 continua confusa no curto prazo, a ADR VALE em Nova York ainda em dinâmica clara de baixa no curto prazo, embora com uma volatilidade muito acima da VALE3 na Bovespa

Enquanto a VALE3 continua confusa no curto prazo, a ADR VALE em Nova York ainda em dinâmica clara de baixa no curto prazo, embora com uma volatilidade muito acima da VALE3 na Bovespa

Sim...

Vejam o comprimento das barras dos últimos 6 dias no gráfico da ADR VALE em Nova York.

Insana volatilidade que tomou conta dos papéis da VALE por lá.....enquanto, pelo Brasil, a VALE tenha oscilado 2%-3% da mínima à máxima nos últimos dias, tirando a segunda-feira última, os papéis da ADR VALE chegam a oscilações de 5% entre a mínima e máxima....

Por enquanto, o que temos é isso abaixo....uma LTB....e um possível canal de baixa no curtíssimo prazo....

Ainda sem pensar em ir nos 14,00 ou abaixo dos 12,10.

Historicamente, a região mais complicada é exatamente onde ela tem oscilado muito, ou seja, entre 12,30 e 13,00

ADR VALE em Nova York, diário, escala logarítmica





Vamos a algumas considerações ao longo do Carnaval.....Dow Jones e SP500 cairam 12% ao longo dos últimos 10 dias.....aqui no blog, no sábado passado, sugeri olhar para os papéis do Google para ver até onde poderiam ir os mercados americanos...disse que rapidamente os papéis do Google iriam para a faixa de 980-1.000....ontem, depois de cair 17% em 10 dias, Google bate 997 e repica forte

Vamos a algumas considerações ao longo do Carnaval.....

Dow Jones e SP500 cairam 12% ao longo dos últimos 10 dias.....ainda falarei de forma isolada deles.

Porém, aqui no blog, no sábado passado, sugeri olhar para os papéis do Google para ver até onde poderiam ir os mercados americanos...disse que rapidamente os papéis do Google iriam para a faixa de 980-1.000....

Sim....era por onde passava uma grande LTA de 6 anos.....

Vejam abaixo, 2 gráficos do Google...diário e semanal

No diário, é possível ver o Google batendo na mínima de ontem 997.....ligeiramente abaixo da MA200 (linha vermelha).....americanos adoram usar a M200 do diário como balizamente em correções muito fortes.....seja para reversão, seja para repiques.

Enfim....ontem, depois de cair 17% em 10 dias, Google bateu em  997 e repicou forte, fechando com alta de 3,8% em 1.046

No segundo gráfico abaixo...SEMANAL, é possível ver o quanto os papéis chegaram próximos àquela LTA de 6 anos que coloquei aqui sábado passado....

Ou seja....podemos especular que, em alguns dias-semanas à frente, dadaa forte volatilidade já presente nos mercados, os papéis do Google voltem a procurar essa faixa de 980-1.000...seja em fundo duplo ou o toque efetivamente nos 980....

Tudo isso, dentro ainda de uma dinâmica em que possamos ver alguma "luz no fim do túnel" em novas retomadas dos mercados americanos em busca de novos topos lá na frente.

Ainda sem discutir algum eventual crash de 50%-60%..

Porém, no curto, médio prazo, essa LTA do Google terá de ser respeitada....se perdida, todo um novo cenário poderá ser lido, tanto para o Google, como para os mercados americanos

Depois dos 2 gráficos, coloco o post do sábado passado, falando da possível ida rápida dos papéis do Google a essa faixa de 980-1.000


Google, diário, escala logarítmica 



Google, SEMANAL, escala logarítmica 

______________________________

Post do sábado passado:


Por outro lado, mesmo com a queda forte dos papéis do Google , questão colocada no post anterior, nada de "mais catastrófico" acontecerá aos papéis do Google, se não perder a LTA de 6 anos...hoje, passando na faixa de 980, que é faixa ligeiramente abaixo do forte suporte de 1.000.....portanto, no curtíssimo prazo, papéis do Google devem ir rapidamente para a faixa de 1.000


Por outro lado, mesmo com a queda forte dos papéis do Google , questão colocada no post anterior, nada de "mais catastrófico" acontecerá aos papéis do Google, se não perder a LTA de 6 anos...hoje, passando na faixa de 980, que é faixa ligeiramente abaixo do forte suporte de 1.000.....

Portanto, no curtíssimo prazo, papéis do Google devem ir rapidamente para faixa de 1.000


Google, SEMANAL, Escala logarítmica, período 6 anos







quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Índice "EWZ", o "Bovespa dos estrangeiros", fecha em queda de 3,29% a 42,29 e perde o antigo topo (equivalente aos 78.000 do Bovespa) anterior no fechamento...60% da queda foi produzida na última "meia hora"...portanto.....50 minutos após o fechamento da Bovespa (incluindo o leilão de fechamento)

Índice "EWZ", o "Bovespa dos estrangeiros", fecha em queda de 3,29% a 42,29 e perde o antigo topo (equivalente aos 78.000 do Bovespa) anterior no fechamento...60% da queda foi produzida na última "meia hora"...portanto.....50 minutos após o fechamento da Bovespa (incluindo o leilão de fechamento)

Primeiro gráfico abaixo, o tempo diário...

Segundo gráfico abaixo, o gráfico "30 minutos"......ou seja...vejam a última barra do índice....o índice vinha brigando com a faixa de 43,20, que era exatamente a faixa do topo.....na última meia hora, descarregamento total....e o mini crash....2% de queda em apenas meia hora

EWZ, Diário, escala logarítmica



EWZ,  Gráfico 30 minutos,





Cobre cai 0,18% e vai confirmando a perda da LTA identificada aqui ontem

Cobre cai 0,18% e vai confirmando a perda da LTA identificada aqui ontem

Uma configuração semelhante ao ETF JCC destacado no post anterior

Cobre, diário, escala logarítmica





O principal ETF do Cobre, o índice "JCC", também perde a LTA de 1 ano e meio

O principal ETF do Cobre, o índice "JCC", também perde a LTA de 1 ano e meio

JCC, Diário, escala logarítmica, período 2 anos






Mais um crash dos mercados americanos....Dow Jones cai 4,15% e SP500 cai 3,75%

Mais um crash dos mercados americanos....Dow Jones cai 4,15% e SP500 cai 3,75%

SP500 ainda perdeu o fundo anterior

Dow Jones, diário, escala logarítmica


SP500, diário, escala logarítmica





Abaixo, temos um indicador de volatilidade para VALE3...chamado "Chalkin".....pra que serve ? Para nos anteciparmos a algum movimento muito forte no curtíssimo prazo....anteontem, o indicador atingiu o mais alto nível dos últimos 18 meses...como temos vários rastreadores emitindo sinais de Venda no diário....temos hoje uma alta probabilidade de um forte movimento de queda para VALE3

Abaixo, no último indicador do gráfico, temos um indicador de volatilidade para VALE3...chamado "Chalkin".....pra que serve ? Para nos anteciparmos a algum movimento muito forte no curtíssimo prazo....ele está marcado pela linha azul

Anteontem, o indicador atingiu o mais alto nível dos últimos 18 meses...o sexto mais alto dos últimos 4 anos como identificado nos circulos em vermelho.

Como temos vários rastreadores emitindo sinais de Venda no diário....temos hoje uma alta probabilidade de um forte movimento de queda para VALE3

MACD na Venda no diário
Histograma abaixo da linha zero...venda no diário

MA50 cruzada pra baixo sobre MA200 no tempo horário

Papel nesse momento a 41.48, queda de 0,5%


VALE3, diário, escala logarítmica, hora 17:42